quinta-feira, 15 de junho de 2017

aos pouquinhos vou-me refazendo.
colando pedaços e às vezes reconheço-me para desaparecer logo a seguir

quarta-feira, 3 de maio de 2017

é como se faltasse sempre mais um bocadinho.
é só aguentar mais um bocadinho.
aguenta, aguenta
não respires muito fundo para não te libertares da angústia
não penses muito, reage, responde,
mantém-te funcional, competente.
só falta um bocadinho, depois já podes desapertar o soutien
mais um empurrãozinho
aguenta mais quinze dias,
aguenta mais 3 semanas
dois dias
12 horas

e caramba que não chega
e a angustia não descansa
e a cabeça não funciona, senão naquele pedacinho de consciência que sabes que tem de funcionar o suficiente para responder,
para funcionar, para reagir
para não respirar, para manter a angústia
para manter a pressão,
o pipo não se pode soltar
não pode rodar sobre si mesmo com o som que o liberta
aguenta o pipo
aguenta a pressão
funciona, reage, mantém a competência,
não faças mais, não cries, não alargues
não tires as vendas
são mais 15 dias,
3 semanas
2 dias
12 horas.
aguenta, aguenta.

sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

Do dia em que tornei falível...

Ser-lhe diagnosticada uma depressão e descobrir que não consegue realmente entender uma frase de Deleuze, e não necessariamente por esta ordem e os dois factos podem ou não estar relacionados, é demais para uma simples mortal como eu, que ainda por cima, descobriu hoje, é extremamente falível.

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

mesmo dormindo

as melhoras são passageiras, mas hoje já consigo organizar uma raciocínio. ainda que medíocre.
melhores dias virão.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

a sensação é de que se eu pudesse enfiar a mão pela goela para tirar o que me está a impedir de respirar sairia qualquer coisa como uma bola de ténis ou maior talvez.

Dezembro

Um novo mês é sempre a promessa de começar tudo de novo. Ainda que seja o último mês do ano.
31 dias para alterar o que não foi alterado. Cumprir as resoluções pensadas num dia para 12 meses e que nunca serão realizadas.

Altura de começar a pensar nas resoluções do ano que vem. O que é que vai ser diferente? O que é eu vou mudar?